5.26.2010

A neve e a caixa de música

Cai neve e a caixa de música toca devagar. Acumula-se fina, nos ombros da memória, sem ganhar peso ou consistência, enquanto a corda estica, desenrolando o que ainda resta do tempo, perdendo a força dos dias passados, apagando o calor da melodia num sopro mais frio. Parou de nevar e a caixa de música, já calada também, preserva um eco ao ouvido.

2 comentários:

Poetic GIRL disse...

Sempre gostei de caixas de música não sei bem porquê. Tinha uma em forma de coração, adorava ficar a ouvi-la. Um dia partiu-se, fiquei triste. Não tive mais nenhuma caixa de música! bjs

Vontade de disse...

Talvez porque a sua melodia seja cativante...

Assíduos do shaker

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin