1.09.2009

Temos pena

Descobrimos que temos de mudar de emprego quando ao segundo dia depois de umas reconfortantes férias já nos apetece voltar a desaparecer indeterminadamente.

Descobrimos que temos de mudar de emprego quando nos apetece simplesmente ser despromovido em vez de ambicionarmos a mais qualquer coisa.

Descobrimos que temos de mudar de emprego quando para além do objectivo definido nos querem impor a forma e o estílo do atingir.

Descobrimos que temos de mudar de emprego quando nos alteram as regras a meio do jogo, quando dizemos um "não" redondo e nos servem "sins" disfarçados de mil e umas desculpas e faz de contas, e "não tem importância nenhuma".

Descobrimos que temos de mudar de emprego quando mantendo a postura séria e profissional, (mas não acéfala de saber pensar e por vezes discordar), se põem a nu faltas de respeito e educação, ou intromissões intoleráveis na vida pessoal.

Descobrimos que temos de mudar de emprego quando a (pseudo) "liderança" não se faz pelo exemplo ou pela equipa, mas apenas pela crítica (apenas porque se tem de criticar), pela intriga, pelo "porque sim" (sem argumentos válidos), pela tentativa de intimidação (em vez da motivação),

Descobrimos que temos de mudar de emprego quando se sobrevaloriza a forma ao conteúdo, o tempo físico aos resultados, quando as palavras simplesmente perdem a cor e já não dizem o que dizem.

Descobrimos que temos de mudar de emprego quando simplesmente se deixa de acreditar.



Não consigo fazer coisas que não acredito. Não consigo de deixar de pensar por mim próprio e de dizer o que penso. Simplesmente não consigo. Por isso, temos pena.

7 comentários:

O outro lado do espelho disse...

Um brinde interminável a essa admirável atitude.

:D

SF disse...

E ainda bem que não consegues... porque não deves! Não, porque não. E, sabes que mais? Afinal, não temos pena nenhuma.
O melhor que fizeres, será por ti, sempre. Brindo a isso!

XinXin

Mlee disse...

Não é uma decisão fácil, mas chega uma altura em que inadiável.

xin xin

Sandrine disse...

Concordo inteiramente com a SF: "Afinal, não temos pena nenhuma."

O importante mesmo é haver essa motivação e continuar a fazer aquilo em que se acredita!!!

Jokinhas

(in)confessada disse...

li as linhas e as entrelinhas pq sei de cor o q significa deixar de acreditar


agora só falta encontrar um novo motivo p acordar de manhã com vontade de arregaçar as mangas


beijo confesso

Maria Manuela disse...

Como eu te entendo, caramba...

bj

Dry-Martini disse...

Minhas cara, temos pena não significa que esteja triste. É apenas uma expressão de referir que já não estou para aturar certas coisas.

XinXin

Assíduos do shaker

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin